quarta-feira, 27 de julho de 2016

Dídio Pizza investe em tecnologia para tornar a rede mais sustentável, produtiva e ainda diminuir custos


Rede implantou o forno  100% nacional de alta tecnologia a gás natural ou glp, contribuindo para maior produtividade, melhor qualidade na fabricação de pizzas, menores custos com a substituição da lenha, diminuição de tempo de treinamento e sustentabilidade
 

A Dídio Pizza – tradicional rede de franquias de pizzarias delivery – está muito satisfeita com os resultados de suas lojas após a implantação total dos fornos de esteira 100% Nacional, de alta tecnologia. Primeiro, porque a pizza ganhou maior padronização com o uso do equipamento, já que era mais difícil assar todas as pizzas exatamente iguais com a instabilidade do forno a lenha e segundo, devido à redução de custos. 

Segundo Elídio Biazini, proprietário da Dídio Pizza, a lenha estava ficando com custo muito elevado, pois vinha de lugares cada vez mais distantes da Capital e o treinamento para operar o forno a lenha durava de 30 a 50 dias e somente para  homens. Com o forno de esteira a gás, o treinamento hoje é de apenas 2 dias inclusive para mulheres e a pizza fica pronta em 3 minutos. “Com isso, melhoramos ainda mais a qualidade, ganhamos escala na produção das pizzas, maior padronização do produto e maior rapidez para a entrega, já que estamos num negócio de delivery”, explica o empresário.

Mesmo em tempos de crise, a Dídio Pizza tem mostrado números que impressionam: foram 301 mil pizzas vendidas de janeiro a junho 2016 e faturamento que já chegou a R$ 16 milhões, com 26 lojas. O crescimento da rede no primeiro semestre deste ano foi de 14% em relação ao mesmo período do ano anterior.

terça-feira, 26 de julho de 2016

Mr Cheney lança dois novos sabores de cookie em homenagem ao dia dos pais: Beijinho e Beijão


Não importa o tamanho dos beijos desde que eles sejam saborosos iguais aos cookies que o Mr Cheney criou para o seu pai
 


Os beijos que todo pai merece já estão disponíveis em todas as unidades do Mr Cheney – rede de franquias de cookies tipicamente americanos - por todo o país. São os cookies Beijinho e Beijão, especialmente desenvolvidos para deixar o dia dos pais ainda mais carinhosos.
 
O Cookie Beijinho é feito de chocolate branco com leite condensado e coco na massa. A cobertura é feita envolvendo o cookie antes de ir ao forno em coco ralado. Já o cookie Beijão foi feito em uma deliciosa massa de cacau em pó, com pedaços de coco e chocolate branco. A cobertura também é de coco ralado, salpicado na massa antes de assar. Os dois sabores são uma edição limitada e custam 6 reais em todas as unidades, exceto nos aeroportos.
 
O Mr. Cheney   
Lojas ambientadas para saborear as guloseimas típicas das vovós americanas, onde os clientes podem ver os cookies entrarem no forno e saírem quentinhos, aromatizando todo o ambiente. Esse foi o conceito criado pelo Mr. Cheney, uma verdadeira cookie store americana no Brasil. Com 57 unidades em funcionamento, entre lojas e quiosques, a rede pretende fechar o ano com a marca de 70 unidades em operação em várias localidades do país.

 Para saber os endereços mais próximos e conferir o cardápio, basta acessar: www.mrcheney.com.br
 

quarta-feira, 20 de julho de 2016

Mr Kids tem 13 pontos comerciais negociados e já aprovados no Mato Grosso do Sul para novos franqueados


Microfranquia tem contratos com as maiores redes de hipermercados em todo o Brasil para instalação imediata das máquinas de doces e brinquedos


A microfranquia de máquinas de brinquedos e doces Mr Kids tem 13 pontos disponíveis no Mato Grosso do Sul para quem deseja abrir uma franquia. São 4 cidades com pontos já negociados pela franqueadora em hipermercados como o Carrefour, Wallmart, Extra, Socicam, Assaí e aeroportos: Campo Grande, Dourados, Corumbá e Ponta Porã. A negociação permite que os franqueados possam ter disponibilidade praticamente imediata para a instalação das máquinas de doces e brinquedos, logo depois da assinatura do contrato de franquia. Em todo o Brasil, são mais de 800 pontos disponíveis.

Para facilitar a compra da franquia e atrair mais candidatos, a franqueadora também está facilitando o pagamento, mesmo com um investimento considerado baixo, que é de R$ 18,5 mil. “Essa iniciativa é para que os nossos novos franqueados ganhem fôlego nos primeiros meses do negócio, já que a maioria de nossos candidatos são pessoas que estão ávidas por um novo negócio, principalmente com a atual conjuntura que todo brasileiro está vivendo. Cobramos a Taxa de Franquia à vista, que é de R$ 8 mil e o restante após o recebimento da ficha de pré-qualificação e análise de crédito. O franqueado poderá pagar o restante em até 5 vezes no boleto ou em 6 vezes no cartão”, explica Antonio Chiarizzi, fundador da Mr. Kids.

O Mr. Kids possui 115 franquias e 6.200 máquinas espalhadas por diversos pontos de venda. No ano passado, a rede faturou R$ 3,2 milhões e a meta para 2016 é a venda de 50 novas franquias e um crescimento de 40%.

Mr. Kids – Ficha Técnica
Investimento Total: R$ 18,5 mil
Taxa de Franquia: R$ 8 mil
Taxa de Royalties: não cobra
Taxa de Propaganda: não cobra
Faturamento médio mensal: de R$ 1.600,00 a R$ 30 mil
Lucratividade: de 35 a 40%
Número de Funcionários: 0
Retorno do Investimento: 15 a 18 meses
Prazo do contrato: 3 anos
Contato da Franqueadora: franquia@mrkids.com.br ou 11 5058-2111

terça-feira, 19 de julho de 2016

Mr Kids tem 22 pontos comerciais negociados e já aprovados na Paraíba para novos franqueados

Microfranquia tem contratos com as maiores redes de hipermercados em todo o Brasil para instalação imediata das máquinas de doces e brinquedos


A microfranquia de máquinas de brinquedos e doces Mr Kids tem 22 pontos disponíveis na Paraíba para quem deseja abrir uma franquia. São 6 cidades paraibanas com pontos já negociados pela franqueadora em hipermercados como o Carrefour, Todo dia,Super Bom Preço,Hiper Bom Preço, Extra, Socicam, Assaí e Aeroporto: João Pessoa, Cabedelo, Campina Grande, Mamanguape, Pedras de Fogo e Sapé. A negociação permite que os franqueados possam ter disponibilidade praticamente imediata para a instalação das máquinas de doces e brinquedos, logo depois da assinatura do contrato de franquia. Em todo o Brasil, são mais de 800 pontos disponíveis.
Para facilitar a compra da franquia e atrair mais candidatos, a franqueadora também está facilitando o pagamento, mesmo com um investimento considerado baixo, que é de R$ 18,5 mil. “Essa iniciativa é para que os nossos novos franqueados ganhem fôlego nos primeiros meses do negócio, já que a maioria de nossos candidatos são pessoas que estão ávidas por um novo negócio, principalmente com a atual conjuntura que todo brasileiro está vivendo. Cobramos a Taxa de Franquia à vista, que é de R$ 8 mil e o restante após o recebimento da ficha de pré-qualificação e análise de crédito. O franqueado poderá pagar o restante em até 5 vezes no boleto ou em 6 vezes no cartão”, explica Antonio Chiarizzi, fundador da Mr. Kids
O Mr. Kids possui 115 franquias e 6.200 máquinas espalhadas por diversos pontos de venda. No ano passado, a rede faturou R$ 3,2 milhões e a meta para 2016 é a venda de 50 novas franquias e um crescimento de 40%.


Mr. Kids – Ficha Técnica
Investimento Total: R$ 18,5 mil
Taxa de Franquia: R$ 8 mil
Taxa de Royalties: não cobra
Taxa de Propaganda: não cobra
Faturamento médio mensal: de R$ 1.600,00 a R$ 30 mil
Lucratividade: de 35 a 40%
Número de Funcionários: 0
Retorno do Investimento: 15 a 18 meses
Prazo do contrato: 3 anos
Contato da Franqueadora: franquia@mrkids.com.br ou 11 5058-2111



É com o caos que eles faturam muito


Recém-nascida no franchising, a É seguro – franquias de seguros – comemora a venda de 7 franquias em época de crise e garante que o caos é um excelente negócio


Quem não tem medo de ser assaltado? De esquecer o celular na mesa do restaurante ou até mesmo, deixar o carro estacionado em uma rua que alaga quando o céu está escuro? Observando este cenário de acidentes, o empresário Adriano Oliveira, de 34 anos, resolveu franquear em abril deste ano a É Seguro e possibilitar que outras pessoas possam investir em um negócio extremamente rentável.

Para provar que o caos realmente é um negócio lucrativo, a rede comercializou 7 franquias em apenas 3 meses, atendem em média 50 novos clientes por mês e a meta da empresa é chegar a R$ 120 milhões em seguros emitidos. Somente com a unidade própria em Umuarama - PR, a É Seguro comercializou R$ 40 milhões em cobertura de bens segurados.

O modelo de negócio é típico para quem quer trabalhar em casa e garantir uma alta rentabilidade. Com um investimento de R$ 20 mil e um faturamento médio mensal de R$ 30 mil, o franqueado poderá ganhar de R$ 7 a R$ 10 mil líquido todos os meses com a venda de mais de 180 tipos de seguros. Além disso, recebe gratuitamente da franqueadora um site próprio para fazer vendas online, que hoje representam cerca de 15% de todas as vendas.

A franquia também pode ser adquirida por outros empresários, como corretores de imóveis, administradores de condomínios, contadores, concessionários de veículos e outros. Nesses casos, esses profissionais podem aproveitar a própria carteira de clientes para a comercialização de seguros.

A outra modalidade de franquia da É Seguro é a Comercial, onde o franqueado pode investir na abertura de uma loja de seguros. O investimento é de R$ 50 mil, fora o ponto comercial e o faturamento médio é de R$ 80 mil mensais, com rentabilidade que pode chegar a R$ 30 mil ao mês.

A franquia É Seguro foi criada em 2015 e em abril deste ano iniciou a venda de franquias. Segundo a Susepe – Superintendência de Seguros Privados – o mercado de seguros cresceu 18% no último ano e recente pesquisa aponta que, hoje no Brasil, somente 35% da frota particular de automóveis possui seguro, 13% apenas das residências são seguradas, 7% da população possui seguro de vida, 2 a 3% das pessoas têm seguro saúde e menos de 1% seguro odontológico. De acordo com Adriano Oliveira, proprietário da rede É Seguro, mesmo com a crise, há um grande mercado a ser explorado na área de seguros e o franqueado é o maior beneficiado. “Um corretor de seguros independente hoje, ganha comissões de, no máximo, 60%, enquanto um franqueado nosso pode ganhar até 90% de comissões”, afirma.

É Seguro – Ficha Técnica

Modalidade Casa
Investimento total: R$ 20 mil
Capital de Giro: R$ 7 mil
Taxa de Franquia: R$ 15 mil
Taxa de Royalties: 15 a 25% sobre as vendas
Taxa de Propaganda: 5% sobre o faturamento
Retorno do Investimento: 18 meses
Faturamento médio mensal: R$ 30 mil
Ticket Médio: R$ 20 mil
Rentabilidade: R$ 7 a 10 mil mensais
Número de Funcionários: 0
Tempo de contrato: 5 anos
Contato: www.grupoeseguro.com.br

Modalidade Comercial
Investimento total: R$ 50 mil (fora o ponto comercial)
Capital de Giro: R$ 15 mil
Taxa de Franquia: R$ 25 mil
Taxa de Royalties: 10% sobre as vendas
Taxa de Propaganda: 5% sobre o faturamento
Retorno do Investimento: 18 meses
Faturamento médio mensal: R$ 80 mil
Ticket Médio: R$ 50 mil
Rentabilidade: R$ 20 a 30 mil mensais
Número de Funcionários: 3 a 4
Tempo de contrato: 5 anos 
Contato: www.grupoeseguro.com.br

segunda-feira, 18 de julho de 2016

Quiosques tem melhor custo benefício no Brasil em Crise

Custos menores, menor número de funcionários e reposição rápida de produtos podem garantir maior rentabilidade para quem pretende investir

Mesmo tendo iniciado a venda de franquias com os dois modelos de Negócio – loja e quiosque – algumas redes agora vão priorizar a venda somente de quiosques para expandir. É o caso da Touch, quiosque de relógios e óculos para o público unissex de diversas faixas etárias, que hoje possui 4 lojas e 55 quiosques. A expansão somente por meio da venda de quiosques também é a estratégia da Euro, que vende relógios, óculos e semi-jóias, porém só para o público feminino e já foi criada para oferecer franquias somente com quiosques.

Ao contrário de algumas redes, que lançam modelos menores de franquias como alternativa para acelerar a expansão ou atingir mercados menores, a Touch e a Euro, ambas do Grupo Technos – a maior fábrica de relógios do Brasil - comprovaram, na prática, que os quiosques são uma melhor alternativa para quem deseja investir neste momento econômico. Não somente devido ao investimento ser menor do que uma loja, mas por fatores que os tornam mais rentáveis.

Para validar a nova estratégia da empresa, que visa uma expansão mais acelerada, foram apresentados alguns dados comparativos:

Instalação do negócio:
O investimento no quiosque representa 24% do valor investido nas instalações de uma loja.
Instalação de uma loja Touch (mobiliário, equipamentos e obra civil):  R$ 250 mil
Instalação de um quiosque Touch: (mobiliário e equipamentos):  R$ 58.900,00

Payback:
O quiosque possibilidade um retorno mais rápido do capital investido.
Loja:  de 24 a 36 meses
Quiosque:  de 6 a 18 meses

Faturamento médio:
A venda da loja não se distancia tanto da venda do quiosque, já que possuímos uma exposição bem estruturada e interativa no quiosque.
Numa venda média de R$ 50 mil em ambos os modelos:
Loja de 35m²:   faturamento de R$ 1.428,57 por m²
Quiosque 6m²:  R$ 8.333,00 por m²

Lucratividade:
O quiosque, se bem negociado o aluguel, possibilita maior lucratividade, pois o seu custo ocupacional é menor do que o da loja.
Loja: entre 8% a 12%
Quiosque:  entre 15% a 20%

O plano de expansão acelerado das franquias está focado principalmente nas regiões Sul, Sudeste e Centro Oeste. Segundo Renata Barbieri, gerente de varejo e novos negócios do Grupo Technos, os quiosques da Touch e da Euro são ideais para quem deseja uma ótima oportunidade de investimento em franquias de fácil instalação, sem necessidade de reformas e montagens que retardam o início da operação, além de uma estrutura sólida de suporte por parte da franqueadora. “A partir de 6m² é possível instalarmos um quiosque já pronto para começar a vender. Além disso, a estrutura oferecida pela franqueadora garante reposição rápida de produtos em todo o Brasil, novidades constantes a cada semana e uma rede com 15 centros de assistência técnica”, explica.

A Touch foi fundada em 1998 e passou a fazer parte do Grupo Technos em 2012. Em 2009 foi aberta a primeira loja e hoje, a rede possui 55 quiosques e 4 lojas em diversas localidades do Brasil. Cada quiosque tem um faturamento médio mensal de R$ 50 mil.
A Euro foi fundada em 1998 e passou a fazer parte do Grupo Technos em 2009. Hoje, a rede possui 16 quiosques nos Estados de Pernambuco, Pará, Ceará, Rio Grande do Norte e Minas Gerais.

 
Quiosques Touch – ficha técnica da franquia:
Investimento total: aproximadamente R$ 98mil (já incluída a Taxa de Franquia)
Taxa de Franquia: R$ 20 mil
Capital de Giro: R$ 20 mil
Taxa de Royalties: isenta, devido à venda de produtos aos franqueados
Taxa de Propaganda: custeada inteiramente pela franqueadora
Faturamento médio mensal: R$ 50 mil
Lucratividade: 15 a 20%
Ticket Médio: R$ 210,00
Retorno do Investimento: de 6 a 18 meses
Metragem mínima: 6m²
Número de funcionários: de 4 a 5
Tempo de Contrato: 4 anos

 
Quiosques Euro – ficha técnica da franquia:
Investimento total: aproximadamente R$ 119 mil (já incluída a Taxa de Franquia)
Taxa de Franquia: R$ 20 mil
Capital de Giro: R$ 20 mil
Taxa de Royalties: isenta, devido à venda de produtos aos franqueados
Taxa de Propaganda: custeada inteiramente pela franqueadora
Faturamento médio mensal: R$ 55 mil
Lucratividade: 12% a 15%
Ticket Médio: R$ 263,00
Retorno do Investimento: de 6 a 18 meses
Metragem mínima: 6m²
Número de funcionários: de 4 a 5
Tempo de Contrato: 4 anos


sexta-feira, 8 de julho de 2016

Touch tem nova estratégia de expansão e só vai vender franquias de quiosques


 Apesar de ter iniciado sua expansão também com lojas, a Touch apresenta as vantagens para o novo franqueado para a abertura de quiosques, como instalação, payback, faturamento médio e lucratividade

A Touch, marca do Grupo Technos, que é detentora de 21 marcas e que possui a maior fábrica de relógios do país, não vai vender franquias de lojas por enquanto. A estratégia visa uma expansão mais rápida, com custos menores para o franqueado e rentabilidade ainda maior.

Para validar a nova estratégia da empresa, a Touch apresenta os comparativos para abertura de lojas e quiosques:

Instalação do negócio:
O investimento no quiosque representa 24% do valor investido nas instalações de uma loja.
Instalação de uma loja Touch (mobiliário, equipamentos e obra civil):  R$ 250 mil
Instalação de um quiosque Touch: (mobiliário e equipamentos):  R$ 58.900,00

Payback:
O quiosque possibilidade um retorno mais rápido do capital investido.
Loja:  de 24 a 36 meses
Quiosque:  de 6 a 18 meses

Faturamento médio:
A venda da loja não se distancia tanto da venda do quiosque, já que possuímos uma exposição bem estruturada e interativa no quiosque.
Numa venda média de R$ 50 mil em ambos os modelos:
Loja de 35m²:   faturamento de R$ 1.428,57 por m²
Quiosque 6m²:  R$ 8.333,00 por m²

Lucratividade:
O quiosque, se bem negociado o aluguel, possibilita maior lucratividade, pois o seu custo ocupacional é menor do que o da loja.
Loja: entre 8% a 12%
Quiosque:  entre 15% a 20%

Com um investimento de aproximadamente R$ 98 mil, é possível adquirir um quiosque montado, já com o estoque de produtos e pronto para começar a ganhar dinheiro, já que o negócio foi formatado para trazer retorno rápido (a partir de 6 meses) e uma lucratividade altamente atraente, que chega até a 20% para o franqueado.

O plano de expansão acelerado da marca está focado principalmente nas regiões Sul, Sudeste e Centro Oeste, uma vez que temos já uma presença relevante no N e NE. Segundo Renata Barbieri, gerente de varejo e novos negócios do Grupo Technos, os quiosques da Touch são ideais para quem deseja uma ótima oportunidade de investimento em franquias de fácil instalação, sem necessidade de reformas e montagens que retardam o início da operação, além de uma estrutura sólida de suporte por parte da franqueadora. “A partir de 6m² é possível instalarmos um quiosque já pronto para começar a vender. Além disso, a estrutura oferecida pela franqueadora garante reposição rápida de produtos em todo o Brasil e novidades constantes a cada semana”, explica.

“A Touch é um excelente negócio porque oferece relógios e óculos exclusivos com ótimo custo-benefício, atraindo diversos consumidores em diferentes ocasiões de uso. Vendemos mais que acessórios de moda, vendemos comportamento e estilo para um público jovem e antenado. Trouxemos inovação através dos nossos quiosques que são atrativos e interativos, permitindo tocar o relógio e garantindo um atendimento descolado, enquanto antes o consumidor precisava comprar relógios de marca em relojoarias onde os produtos ficavam expostos em vitrines fechadas”, completa Renata.

A Touch foi fundada em 1998 e passou a fazer parte do Grupo Technos em 2012. Em 2009 foi aberta a primeira loja e hoje, a rede possui 55 quiosques e 4 lojas em diversas localidades do Brasil. Cada quiosque tem um faturamento médio mensal de R$ 50 mil e o franqueado conta com toda a estrutura do Grupo Technos, que hoje é 100% nacional, com toda a fabricação realizada em seu parque industrial em Manaus e uma rede com 15 centros de assistência técnica.


Quiosques Touch – ficha técnica da franquia:
Investimento total: aproximadamente R$ 98mil (já incluída a Taxa de Franquia)
Taxa de Franquia: R$ 20 mil
Capital de Giro: R$ 20 mil
Taxa de Royalties: isenta, devido à venda de produtos aos franqueados
Taxa de Propaganda: custeada inteiramente pela franqueadora
Faturamento médio mensal: R$ 50 mil
Lucratividade: 15 a 20%
Ticket Médio: R$ 210,00
Retorno do Investimento: de 6 a 18 meses
Metragem mínima: 6m²
Número de funcionários: de 4 a 5
Tempo de Contrato: 4 anos




Franquia de quiosques da Euro é opção para quem quer ganhar dinheiro com produtos fashion para o público feminino

Oportunidade de negócio para consumidoras que acompanham as tendências da moda e gostam de variedades em acessórios, a Euro vai expandir em diversas localidades do Brasil com quiosques de alta rentabilidade e rápido retorno 


Um quiosque que chama a atenção de longe das mulheres fashion, antenadas nas tendências de moda e que procuram novidades em acessórios como relógios, óculos e semijoias. Esta é a oportunidade de negócio da Euro, marca do Grupo Technos, com o portfólio de 21 marcas e que possui a maior fábrica de relógios do país.

Com um mix de produtos nacionais e importados (relógios 100% montados no Brasil na fábrica da Technos) e óculos e semijoias (parte nacional e parte importados), o modelo de quiosques da Euro foi formatado para traduzir a identificação do ponto de venda com a mulher de estilo, que não abre mão dos acessórios como complemento de seu look em todas as ocasiões, desde o casual no dia a dia, trabalho e festas, sempre com muito glamour e ousadia.

Com um investimento de aproximadamente R$ 119 mil, é possível adquirir um quiosque montado, já com o estoque de produtos e pronto para começar a ganhar dinheiro, já que o negócio foi formatado para trazer retorno rápido (a partir de 12 meses) e um faturamento médio de R$ 55 mil ao mês.

O plano de expansão da marca, que abriu seu primeiro quiosque em 2012, em Recife, Pernambuco, tem como foco todo o Brasil e a previsão é a abertura de mais 22 pontos de venda ainda este ano. Segundo Renata Barbieri, gerente de varejo e novos negócios do Grupo Technos, os quiosques da Euro são ideais para quem deseja vender produtos de excelente qualidade para um público que hoje representa a grande fatia de consumo do varejo. “As mulheres clientes da Euro são fiéis à marca e possuem um estilo próprio, são exigentes com o que vestem, usam e não deixam de realizar compras de peças que lhe agradem, desde que estejam de acordo com a moda e elas possam ter sempre uma grande variedade à disposição. Isso faz da franquia um negócio altamente rentável, com rápido retorno”, explica.

“Nosso perfil de franqueado é alguém igualmente arrojado, que goste de trabalhar com mulheres e com moda. É também uma excelente oportunidade para quem deseja ter sua independência financeira e fazer grande carteira de clientes. Nosso negócio está pronto e, devido à facilidade de rápida reposição de novos produtos, os franqueados têm sempre novidades, que ficam expostas para a interação das clientes”, completa Renata.

A Euro foi fundada em 1998 e passou a fazer parte do Grupo Technos em 2009. Hoje, a rede possui 16 quiosques nos Estados de Pernambuco, Pará, Ceará, Rio Grande do Norte e Minas Gerais. Os quiosques apresentam, em media, uma lucratividade de 12%

a 15% e o franqueado conta com toda a estrutura do Grupo Technos, que hoje é 100% nacional, com toda a fabricação realizada em seu parque industrial em Manaus e uma rede com 15 centros de assistência técnica.

 
Quiosques Euro – ficha técnica da franquia:
Investimento total: aproximadamente R$ 119 mil (já incluída a Taxa de Franquia)
Taxa de Franquia: R$ 20 mil
Capital de Giro: R$ 20 mil
Taxa de Royalties: isenta, devido à venda de produtos aos franqueados
Taxa de Propaganda: custeada inteiramente pela franqueadora
Faturamento médio mensal: R$ 55 mil
Lucratividade: 12% a 15%
Ticket Médio: R$ 263,00
Retorno do Investimento: de 6 a 18 meses
Metragem mínima: 6m²
Número de funcionários: de 4 a 5
Tempo de Contrato: 4 anos

Mr. Cheney lança exclusiva linha de bebidas descafeinadas

Vários sabores inesquecíveis à base de malte vão deixar o inverno do Mr Cheney ainda mais saboroso


O Mr. Cheney – rede de franquias de cookies tipicamente americanos – lança com exclusividade os Malted Drinks  - bebidas de inverno à base de malte para quem quer fugir da cafeína no dia a dia, que já estão disponíveis em vários pontos de vendas espalhados por diversas cidades brasileiras. São 6 sabores:

 
Malted Cappucheney – uma dose de cevada, leite cremoso e farofa de cookie  - R$ 8,50

Malted Cappuccino – uma dose de cevada com leite cremoso (opcional adição de chocolate ou canela em pó) – R$ 8,00

Malted Latte – Uma dose de cevada com leite em cremosidade média – R$ 9,00

Malted Mud – Sorvete de creme, cevada e creme de avelã – R$ 16,50

Malted Frappé – Sorvete de creme, cevada e leite condensado – R$ 16,00

Malted Moccha – Uma dose de cevada, creme de avelã, leite cremoso e calda de chocolate – R$ 9,50

Para acompanhar essa deliciosa linha de bebidas exclusivas, o Mr Cheney também criou mais dois sabores de cookies para esta temporada:
Cookie de paçoca - feito de uma deliciosa massa de amendoim com cajuzinho por cima - R$ 8,00

Cookie de banana com canela - Deliciosa massa de baunilha com chocolate, banana nanica amassada com canela - R$ 6,00

O Mr. Cheney   
Lojas ambientadas para saborear as guloseimas típicas das vovós americanas, onde os clientes podem ver os cookies entrarem no forno e saírem quentinhos, aromatizando todo o ambiente. Esse foi o conceito criado pelo Mr. Cheney, uma verdadeira cookie store americana no Brasil. Com 57 unidades em funcionamento, entre lojas e quiosques, a rede pretende fechar o ano com a marca de 70 unidades em operação em várias localidades do país.

Para saber os endereços mais próximos e conferir o cardápio, basta acessar: www.mrcheney.com.br



quarta-feira, 6 de julho de 2016

Dia da Pizza é comemorado com crescimento do delivery pela Dídio Pizza


Enquanto a maioria dos restaurantes que serve pizza está vendo o movimento cair na crise, o Delivery cresce entre o público que pede pizza em casa e a rede Dídio Pizza vende 260 mil redondas de janeiro a maio deste ano


 
Comer pizza fora de casa já não é mais rotina para muitas pessoas que estão economizando mais nesta crise.  O custo da pizza se soma aos custos com deslocamento, transporte (táxi ou combustível) e estacionamento, além dos 10% normalmente pagos na hora de acertar a conta. Já o Delivery, que no ano passado cresceu 12,5%, com um faturamento de R$ 9 bilhões - quase o dobro do crescimento dos bares e restaurantes, que foi de 6,43% - continua firme este ano.

Não é à toa que este ano, a Dídio Pizza – rede de pizzarias exclusivamente delivery, vai comemorar o Dia da Pizza (10 de julho) com números que impressionam: foram 260 mil pizzas vendidas de janeiro a maio e um faturamento que já chegou a R$ 13,7 milhões, com 25 lojas, antes mesmo de fechar o primeiro semestre. O crescimento da rede no primeiro quadrimestre deste ano foi de 17% em relação ao mesmo período do ano passado.

Segundo Elídio Biazini, proprietário da rede Dídio Pizza, diversos fatores contribuíram para driblar a crise e conseguir este resultado, como o lançamento do aplicativo próprio para celulares e tablets em março, que já vendeu mais de 5.300 pizzas e a venda ativa, que liga para as residências dos clientes oferecendo promoções especiais para dias da semana, incentivando as pessoas a fazerem seus pedidos. São realizadas, hoje, cerca de 50 mil ligações por mês. “Em épocas de crise, não podemos esperar as pessoas pedirem pizzas e ligamos para os clientes, principalmente entre segunda e quinta-feira, quando as vendas são menores, para oferecer promoções e lançamentos que podem ser entregues no horário que o cliente marcar, como em dias de jogos de futebol, por exemplo, onde a pizza chega quentinha durante o intervalo”, explica o empresário. 

Para oferecer uma pizza diferenciada, que possui o dobro do recheio da maioria das pizzas do mercado, a Dídio Pizza também aposta no treinamento para garantir a melhor entrega do produto. Todos os entregadores motorizados são funcionários com registro em carteira, uniformizados  e treinados para serem verdadeiros embaixadores da marca, com atendimento cordial e padronizado. “Não adianta fazer a melhor pizza do mundo se ela chegar na casa do cliente fria e fora do prazo estabelecido. Mais do que fazer pizza, nosso negócio é fazer Delivery”, conta Biazini.